Há 15 anos atrás…

nascia a pessoa que mudaria a minha vida profundamente.

Hoje me faltam palavras para expressar o que eu penso,

e o quanto eu sinto por você.

Parece que foi ontem,

mas também parece que foi há muito tempo.

Essa jornada foi cheia de sentimento,

surpresas,

desafios,

conquistas,

alegrias

e amor. Muito amor.

Você é o meu filho,

e o que eu mais quero é vê-lo feliz!

Faço tudo por você

e de vez em quando faço mais do que devo,

e então escuto a sua sonora frase:

“Pai, eu não sou mais criança, sou um adolescente, esqueceu?

E então percebo o quanto o tempo passou!

Vi você aprender a ler e escrever sozinho,

também vi você ser alfabetizado,

vi que enfrentou o desafio de frequentar a escola,

o convívio com outros alunos,

as convenções sociais,

e vi que você venceu cada uma dessas fases.

Muitos pais quando os filhos chegam nessa etapa

chamam seus filhos de “aborrecentes”.

Para mim,

você “adorecente”!

Conviver com você é um grande prazer,

é um privilégio,

uma bênção filho!

Desejo então que você enfrente o mundo,

ultrapasse as suas barreiras.

Seja o que você quiser,

faça o que quiser fazer…

e saiba

que eu,

a sua mãe,

sua irmã,

e todos aqueles que te amam,

todos nós estaremos lá,

para apoiá-lo no que quiser ser.

Que a força esteja contigo meu filho.

Onde quer que você vá,

nós estaremos contigo.

Feliz 15 anos!


Há 15 anos atrás… was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Obrigado filho!

Eu não sou mais a mesma pessoa desde o dia que você nasceu.

Sua existência mudou a minha personalidade profundamente.

Já não consigo mais lembrar da época antes de você nascer.

Para mim, é como se EU não existisse.

Você chegou na minha vida e fez de mim uma pessoa melhor!

Me dedico, mas nem preciso me esforçar.

Estar com você não é trabalho,

não é fardo,

é até fácil.

Algumas pessoas dizem que me admiram pela trajetória de lutas e vitórias que eu tenho com você.

Quando isso acontece eu sempre sorrio,

mas lá no fundo eu sempre me pergunto

“me admiram pelo o quê?”

Viver contigo filho é um grande prazer. Será que elas não notam?

Ouvir você me chamar de pai é mais do que gratificante…

é intenso,

chega ser divino!

Sou privilegiado de tê-lo como filho.

E em dias festivos como hoje,

gostaria de presenteá-lo com uma única palavra,

e que ela expresse tudo o que eu sinto por você…

e só posso dizer obrigado.

Obrigado por me amar,

obrigado por ser meu filho,

eu amo ser seu pai.

— –

Feliz 14 anos Nick.


Obrigado filho! was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Formatura do 5º ano. Que venha o ginásio!

Das suas conquistas,

essa, sem dúvida nenhuma,

é a mais esperada!

Assinar o seu boletim com as melhores médias de todo o seu histórico escolar realmente foi empolgante!

thumb-formatura-do-5o-ano-que-venha-o-ginasio

Tanta coisa já se passou desde que você pisou na escola pela primeira vez.

Tantas alegrias,

tristezas e frustrações.

Mas acima de tudo foram muitos desafios superados!

De uns dois anos pra cá você evoluiu,

cresceu,

amadureceu.

E hoje você faz 100% das provas (lembra quando você só fazia ‘quase’ a metade?),

se comporta melhor em sala,

e nós sabemos o quanto várias pessoas reunidas, mesmo em silêncio com apenas a professora falando pode ser ‘muita informação’ para você!

E justamente por causa disso é que enxergamos o seu esforço.

Suas provas feitas sem deixar nenhuma questão em branco,

sua letra caprichada, quase desenhada,

seus livros e cadernos limpinhos, mesmo nos últimos meses!

Ficamos sempre muito felizes quando você se apresenta na escola juntos dos seus amigos de classe,

seja na homenagem do dia das mães,

ou fingindo tocar flauta na apresentação do ‘tio Leo’.

É por isso que ontem TUDO foi tão especial filho.

Ouvir a sua voz no microfone pela primeira vez foi magnífico!

Sentimos como se estivéssemos na ‘Brodway’!

A homenagem aos pais foi mais do que providencial,

tocou profundamente nossos corações,

nossas vidas, nossa existência.

No próximo ano os desafios crescerão.

Não haverá mais ‘tia’ e sim ‘professora’,

serão muitas matérias,

mas os seus amigos estarão lá para apoiá-lo,

e nós também!

Parabéns filho,

parabéns pela conquista.

Sei que muita gente ajudou nessa caminhada,

todo os funcionários e amigos da escola,

a tia Sueli,

a tia Fátima e a sua coragem em fazer voltar um ano mesmo com os nossos olhos marejados, sem dúvida nenhuma, a decisão mais difícil de todas foi tomada por ela!

Parabéns para a mamãe que toda véspera de provas e testes fazia as folhas de perguntas e respostas e o famoso bordão “trabalho de equipe” que tanto o estimula!

Mas acima de tudo filho,

parabéns pra você,

o mérito é seu!

Afinal, é VOCÊ quem faz as provas né!?

Que venha o ginásio!


Formatura do 5º ano. Que venha o ginásio! was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Pai, eu já sou “rapaz”, se lembra?

Eu e Nicolas no fliperama

Algumas vezes eu esqueço de como o tempo passa rápido,
e então você me faz lembrar em frases desconcertantes com essa.

Sei que ainda temos muito o que caminhar.
Você ainda não está 100% autônomo,
nem de longe é.

Tomar banho,
escovar os dentes,
ou pentear o cabelo
são algumas das coisas que nós ainda fazemos por você.

É claro que você já conseguiu a sua independência em outras coisas.
Almoçar,
se vestir,
e principalmente, navegar na Internet!
Ah, isso você faz como ninguém!

13 anos se passaram filho,
e você nos surpreende a cada dia!
Suas conquistas e vitórias iluminam a nossa vida!
Você é o nosso orgulho,
nossa maior riqueza!
Sua bondade e seu carisma encantam quem o ouve.

É certo que sua maturidade ainda está longe da idade que tem,
mas ela evolui
e nos cativa.

O carinho de suas palavras
abrem portas, corações
e despertam paixões.

Nossa estrada é longa meu filho,
e quando eu tento amarrar o cadarço do seu tênis
você me diz com uma voz ainda infantil:
pai, eu sou ‘rapaz’, se lembra?
E temos a certeza que estamos no caminho certo!


Pai, eu já sou “rapaz”, se lembra? was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.