Videocast Nerdologia falando sobre o autismo do Sheldon Cooper

Antes de começar esse texto de hoje, eu preciso apresentar duas coisas:

Primeiro o Nerdologia, que é um excelente canal sobre ciência usando a cultura nerd como narrativa, apresentada pelo biólogo Átila Iamarino. Eu acompanho o canal desde o começo e eu e o Nicolas gostamos muito! E é muito comum vê-lo assistir um outro episódio quando está navegando.

A segunda apresentação é até mais fácil, pois muita gente conhece, mas caso você não saiba, existe no canal de TV por assinatura da Warner um “sitcom”, ou situation comedy (“comédia de situação”, numa tradução livre) chamado “The Bing Bang Theory” sobre a vida dos amigos Leonard, Sheldon, Howard, Raj e sua vizinha, Penny.

A série possui temática de assuntos tipicamente nerds e o personagem Dr. Sheldon Cooper (sim, ele é um doutor!) normalmente é dito como autista pelo público espectador do programa, e é disso que se trata o episódio 98 do Nerdologia.

Pra variar, Átila faz uma excelente narrativa sobre o tema e cita vários bons exemplos sobres os seus argumentos, dentre eles o filme Rain Man sobre Raymond Babbitt que tem a Síndrome de Savant, e o caso da Temple Grandin, autista, também tema de filme do mesmo nome. Eu somaria ao vídeo como referência o filme Adam, que conta a história de um jovem adulto autista que perdeu o seu pai e com a chegada de uma nova vizinha, enfrenta as dificuldades de viver sozinho nas relações sociais sem entender o mundo.

O mais importante nesse vídeo, foi mostrar que mesmo por trás dos padrões repetitivos, e dificuldades de relacionamento com outras pessoas (pais, até!), um autista é antes de tudo um indivíduo, e isso fica claro no episódio. Ainda que não intencional, ou não!

Se você não sabe, ou não entende o que é autismo e Síndrome de Asperger, vale muito assistir!


Videocast Nerdologia falando sobre o autismo do Sheldon Cooper was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Qual a REAL importância se o Messi é AUTISTA ou não!?

Amigos, inaugurando os artigos em formato de vídeo, hoje eu trago como primeiro episódio, uma comentário que eu gravei hoje sobre o artigo intitulado “Como o autismo ajudou Messi a se tornar o melhor do mundo” do blog “diarioocentrodomundo.com.br” escrito pelo Roberto Amado e como eu acho que esse tipo de notícia envolvendo uma pessoa pública ser autista pode influenciar de forma prática a sociedade.


Qual a REAL importância se o Messi é AUTISTA ou não!? was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Vamos falar sobre inclusão nas escolas?

Berenice Piana lutou pelos direitos dos autistas no Brasil

No dia 27 de fevereiro, aconteceu um debate bem bacana sobre crianças especiais e a dificuldade de inclusão escolar no programa Encontro com Fátima Bernardes. Quem me indicou o programa foi a amiga Rosana Leh Dias, que nos contou que a Berenice Piana seria uma das entrevistadas.

Para quem não sabe, a Berenice tem um filho de 18 anos com autismo e depois de muito batalhar pelos direitos do seu filho resolveu estudar a sério o tema e virou uma grande especialista em autismo, e de tanto sugerir ideias para um projeto que visasse melhores condições para ele e outras pessoas com a mesma dificuldade, esse projeto acabou virando uma Lei que recebeu o seu nome. Essa Lei foi sancionada pela Presidenta Dilma Roussef recentemente e garante, entre outras coisas, o direito a inclusão escolar, tema do programa da Rede Globo.

Nós ficamos muitos satisfeitos com o resultado do debate, onde vários pais de inúmeras classes sociais e com filhos em diversos tipos de deficiências, levantaram questões relevantes sobre o tema, e a importância de uma discussão mais abrangente sobre o assunto e então eu resolvi pedir a Samantha Shiraishi, do blog “A Vida como a Vida quer” para ampliarmos esse bate-papo em busca de novas formas de inclusão escolar. Ela apoiou imediatamente a ideia e me convidou para o seu Hangout periódico da sua página no Google plus.

Então para quem se interessou sobre o assunto, basta acessar o link do evento no dia 7 de março (quinta-feira) às 19:30, que ele será transmitido via Hangout On Air, ou seja, ao vivo. Todos poderão fazer perguntas via comentários do vídeo que nós debateremos no ar. Mas se você perder a conversa por causa do horário, não se preocupe, o vídeo será disponibilizado imediatamente após o encerramento do bate-papo, e poderá ser visto através do canal da Samantha no Youtube.

Então é isso pessoal, fica o convite e espero ver todos vocês lá! Abraços!

Perdeu o Hangout? Assista clicando no player abaixo, foi muito bacana!


Vamos falar sobre inclusão nas escolas? was originally published in Eu tenho um filho especial on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.