14 horas sem energia elétrica e a solução era só boa vontade!

Ontem (05/12/2012), lá pelas 23h acabou a energia onde eu moro. Óbvio, estava um calor infernal e foi muito difícil dormir. Claro, os vizinhos foram para fora das suas casas reclamar da falta de energia e do calor e blá blá blá.

O cansaço me dominou às duas e meia da manhã, e mesmo incomodado com o enorme calor, tentei dormir no chão onde é menos quente. Acordei às 6h para colocar meus filhos na escola, pois estão em época de prova e pasmem, a energia elétrica ainda não tinha retornado. Liguei para a empresa, que mais uma vez não sabia que a minha região estava sem luz.

Na época em que vivemos hoje, onde a informação voa em velocidades ultra rápidas, eu ainda não consigo acreditar nesse argumento de que “não há nenhuma informação sobre interrupção do serviço na sua localidade senhor.” É insano pensar que 7h depois do blecaute, que ninguém tenha ligado para a empresa para reclamar! Para mim isso é uma enorme mentira! Tanto que no decorrer do dia, vários outros moradores também ligaram para a Light-RJ e o script era o mesmo, anotar a reclamação, informar o protocolo e aguardar a visita da equipe técnica. É tratar a gente como idiota mesmo, isso sim.

Fiz o procedimento padrão, informei o ocorrido, manifestei a minha indignação pela falta da informação deles sobre a interrupção do serviço, anotei o protocolo (72339280) e aguardei mais algumas horas.

Nisso, os vizinhos menos instruídos e mais revoltados se amontoavam na rua e quando finalmente o carro da Light-RJ chegou as 13h, foi cercado pelos moradores, que os xingavam enquanto eles ligavam a chave ao lado do transformador, que religou a energia elétrica rapidamente.

O que eu penso disso tudo:

  • Há um ENORME despreparo ou MÁ VONTADE da empresa em prestar um serviço de pronto-atendimento emergencial para a população;
  • O canal de comunicação é pouco sensível aos problemas em que a falta desse serviço faz na população e nos atende apenas com o trivial;
  • Ficar 14 horas sem um serviço público essencial é um completo absurdo, e mais absurdo ainda é não preocupação da empresa em prevenir e/ou atender em caráter emergencial a população.
  • Ver um técnico levantar uma chave em 2 minutos e ligar novamente energia elétrica é de uma simplicidade cruel contra 14 horas de uma noite praticamente sem sono. Isso só endossa a minha opinião de que era só uma questão do boa vontade para resolver ou evitar o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *