Só em 2019

Ontem quando eu fui buscar as crianças na escola eu conversei com eles sobre o Impeachment da Presidente Dilma. A ideia era dar uma explicação para eles sobre o cenário do país e como nós precisamos continuar com o foco na economia em mente.

Enquanto eu subia a minha rua, contei que o Senado havia cassado o seu mandato e expliquei da seguinte forma para eles:

“A Dilma fez algumas coisas erradas e foi afastada. Então, quem assume a presidência agora é o vice-presidente, Michel temer. Porém, ele também fez coisas erradas e está sendo investigado, e se ele também sair, quem assume é outro presidente, o da Câmara dos Deputados, Eduardo. Só que ele também fez coisas erradas para o nosso país e está sendo investigado e se ele sair, quem assume é outro presidente, do Senado Federal, que acreditem: também fez coisas ruins e está sendo investigado.

Nisso, Analice me interrompeu e disse:

“Meu Deus, o que está acontecendo com essas pessoas? Todo mundo fazendo coisas erradas!

E então o Nicolas emenda:

“E quando é que o país vai melhorar pai?

Eu respondi dizendo que tudo era muito incerto ainda, que várias coisas podem acontecer e que provavelmente só depois das novas eleições presidenciais, uma vez que tudo estava tão errado e que a saída da Dilma não era suficiente para colocar o país no rumo novamente, mas que provavelmente só depois das eleições, em 2019.

***

Contei essa história toda para fazer uma breve reflexão com vocês. A Democracia é um estado direito do cidadão e temos que lutar por ela e tentar transformá-la na forma simples que os meus filhos vêem. Nossos representantes não podem “fazer coisas erradas”. Mas para isso, é preciso desapegar das pequenas corrupções do dia-a-dia. Dizer que somente os políticos são corruptos é o mesmo que tapar o Sol com peneira. A bagunça e o caos dos últimos meses são reflexo de como o brasileiro lida com política, como algo obrigatório, distante da sua realidade, quando é justamente o contrário. O dia que entendermos isso, escolheremos melhor nossos representantes e situações como essa que estamos vivendo se tronem exceção, e não regra.

Até 2019 chegar, muita água vai rolar no cenário político. Então participe, questione, debata. Mas faça isso de forma equilibrada e isenta. Só assim o país terá ordem e progresso novamente.


Só em 2019 was originally published in Eleitor Virtual on Medium, where people are continuing the conversation by highlighting and responding to this story.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *